Tecnologia do Blogger.

Rihanna teria recusado participação no SuperBowl 2019 em forma de protesto



 De acordo com fontes bem próximas à cantora, ao invés de o show do intervalo da final da Liga de Futebol Americano ser comandado pelo Maroon 5, era Rihanna, quem vinha sendo cotada para tocar no evento.

No entanto, as coisas não saíram muito bem como o esperado e a proposta foi por água abaixo. Pessoas próximas contaram que o cancelamento das negociações aconteceu logo de cara, em forma de protesto. Ela não teria gostado da maneira com que a liga se posicionou, ainda em 2016, após um protesto do jogador Colin Kaepernick.

Durante uma das partidas em que disputava pelo San Francisco, Kaepernick se ajoelhou na execução do hino nacional norte-americano para chamar a atenção contra a forte repressão policial e o racismo no país.

Entretanto, a manifestação não foi vista com bons olhos e o jogador foi banido. Em solidariedade, Rihanna teria dito que não concordava com a decisão e preferia ficar de fora da festa.


Comente com o Facebook: